A prefeitura de Curitiba instituiu uma comissão para qualificar como Organizações Sociais (OSs) instituições que queiram desenvolver as atividades culturais do município. Esse serviço já é prestado por uma OS desde 2010, quando o ICAC firmou um contrato com a prefeitura. O novo edital abre espaço para que outros grupos disputem a prestação de serviços na área música, literatura, dança e audiovisual. Atualmente, o ICAC administra espaços culturais como a Capela Santa Maria, o Teatro Paiol e o Conservatório de Música Popular Brasileira de Curitiba. Além disso, a OS é responsável por grupos como a Camerata Antiqua de Curitiba, o Programa Curitiba Lê, a Orquestra à Base de Corda, o Coral Brasileirinho, entre outros. A instituição também é responsável pela realização da Oficina de Música de Curitiba, que depois de ser cancelada pelo prefeito Rafael Greca (PMN) em 2017, volta a acontecer entre os dias 27 de janeiro e 8 de fevereiro de 2018. O atual contrato da prefeitura com o ICAC, firmado em 2015 pelo então prefeito Gustavo Fruet (PDT), vence no dia 29 de janeiro. Desde maio de 2015 a prefeitura já repassou R$ 23,3 milhões ao instituto. LEIA MAIS: três fatos para entender a relação de Greca com os vereadores O processo de qualificação de Organizações Sociais é um dos primeiros passos da concorrência. Neste ponto, uma comissão formada pela prefeitura vai avaliar se as entidades interessadas na prestação do serviço se enquadram nas exigências legais. As aulas ocorrem até o dia 26, de segunda a sexta-feira, com turmas pela manhã, das 8h às 12h; e à tarde, das 13h às 17h. No dia 29, são abertas mais 10 turmas para o mesmo curso. As aulas continuam até o dia 15 de fevereiro, nos Liceus de Ofícios Boa Vista, Carmo, Fazendinha, Pinheirinho e Rua da Cidadania Cajuru, com turmas, pela manhã e tarde. O curso de informática básica tem, ao todo, 228 vagas. As aulas do curso de Manutenção de Redes de Computadores também terão início no dia 15, com duas turmas, pela manhã e tarde. Lugares para sentir o clima de Natal em Curitiba Ainda dá tempo de aproveitar esse fim de clima natalino em Curitiba Aproveite que a Vinhos Durigan fica exatamente em frente à nossa primeira dica, a Florybal Chocolates, e conheça dois lugares incríveis em uma única ida à Santa Felicidade. Com decoração natalina e opções gastronômicas, o Largo Curitiba é uma ótima opção para você entrar no clima de Natal. No hemisfério norte, o fondue é uma tradição natalina. E que tal provar o delicioso prato em Curitiba? Ainda dá tempo de ver as milhares de lâmpadas da decoração da família Moletta que virou ponto turístico na capital paranaense. Seja pelo Palácio Avenida ou pela árvore de Natal, a Rua XV Novembro, no centro de Curitiba, inspira a todos os apaixonados pelo clima da época de fim de ano. Apesar as apresentações do coral do famoso prédio terem acabado, dá para visitar a iluminação.